The Spy Gone North

Spy Gone North – algo como o espião foi para o norte –  é um filme de espionagem sul-coreano de 2018, dirigido por Yoon Jong-bin. Estrelado por Hwang Jung-min, Lee Sung-min, Cho Jin-woong e Ju Ji-hoon. Nada disso nos diz muito, mas saber que o filme é baseado na história real de Park Chae-seo, um ex-agente sul-coreano que se infiltrou nas instalações nucleares da Coréia do Norte, impressiona.

Resultado de imagem para The Spy Gone North

Literalmente a vida supera a arte. Estes filmes tradicionais sobre espiões e suas táticas mirabolantes normalmente são bons. Quando baseados em fatos, além de bons, eles nos mostram um mundo que desconhecemos. Sempre digo que não existem mocinhos hoje em dia e isso normalmente é comprovado com essas fantásticas histórias.

Novidade

Esse longa me chamou mais atenção ainda porque saiu do eixo EUA/Rússia e mostrou dois países menos conhecidos: as duas Coreias. A do norte, conhecida como o regime mais fechado do planeta, sempre me despertou muita curiosidade (certamente não só eu), e o fato de várias cenas passarem no país, mas, claro, certamente não foram realmente filmadas lá, torna tudo muito interessante e legal.

The Spy Gone North chama a atenção também pelo inusitado líder norte coreano, muito bem tipificado, mostrando todo o poder – assustador e quase irreal – que possuía esse ditador-general, agora transferido a seu filho.

Falando de cinema, é todo bem feito e não deixa a desejar em nenhum quesito básico. Observem que não é uma produção hollywoodiana e, por vezes, diferente do que costumamos assistir. O que é bom.

Vejam. Está no Netflix.


Quer ajudar o Partiu Cinema?